• É conosco

VOCÊ SABE O QUE SÃO MUDANÇAS CLIMÁTICAS E QUAL A IMPORTÂNCIA DO EFEITO ESTUFA PARA A VIDA NA TERRA?


A Mudança Climática é real - Portal É conosco

Os GASES DE EFEITO ESTUFA são substâncias (gasosas) que absorvem parte da radiação infravermelha, emitida principalmente pela superfície terrestre, e dificultam seu escape para o espaço. Isso impede que ocorra uma perda demasiada de calor para o espaço, mantendo a Terra aquecida. O efeito estufa é um fenómeno natural que acontece desde a formação da Terra e é necessário para a manutenção da vida no planeta, pois sem ele a temperatura média da Terra seria 33 °C mais baixa impossibilitando a vida no planeta, tal como conhecemos hoje.


O efeito estufa - Portal É conosco
Como acontece o efeito estufa - Portal É conosco

Fonte: laboratoriododoutornin



97% da comunidade científica concorda que o aquecimento global ou aumento na temperatura da Terra está sendo causado pela crescente elevação dos níveis de gases do efeito estufa na atmosfera, decorrentes de atividade humana nos últimos 50 anos - especificamente a partir da Revolução Industrial.


A concentração intensa destes gases na atmosfera provoca maior retenção de calor, aumentando a temperatura. Isso pode desestabilizar biomas inteiros e ser insustentável para os seres que vivem na terra.


Desde a Revolução Industrial, a temperatura média da Terra aumentou cerca de 1ºC, e este número pode chegar à 1,5ºC entre 2030 e 2050. Os últimos seis anos foram os anos mais quentes já registrados, e setembro de 2020 foi o setembro mais quente já registrado na história.

Apesar de não parecer muito, este aumento já é suficiente para desestabilizar biomas inteiros. O aumento na emissão dos gases estufa é ligado principalmente à queima de combustíveis fósseis e ao desmatamento – ambos decorrentes da explosão populacional que levou ao uso desenfreado de recursos não-renováveis.



O que são mudanças climáticas?



A NASA, a agência espacial americana, divulgou um vídeo que mostra o aumento da temperatura global desde o final do século XIX até o ano passado. A medida que os anos passam, o planeta fica mais quente. ANIMATED IMAGES.



MUDANÇAS CLIMÁTICAS E A SAÚDE


Mudanças climáticas e o clima - Portal É conosco
Foto: Unicef/UN0303710/Oatway











A Organização Mundial da Saúde realizou pesquisa em mais de 100 países e o primeiro Panorama Global do Progresso nas Mudanças Climáticas e a Saúde ,revela que os riscos mais comuns à saúde sensíveis ao clima foram identificados pelos países como estresse térmico, lesões ou morte provocadas por eventos climáticos extremos, alimentos, água e doenças transmitidas por vetores como cólera, dengue ou malária.


A diretora do Departamento de Saúde Pública, Meio Ambiente e Determinantes Sociais da Saúde da OMS, Maria Neira, disse à ONU News: - “Quando se atacam as causas do aquecimento global, o que também se faz é proteger a saúde das pessoas, porque a cada ano, essas mesmas causas que são responsáveis pela mudança climática, são também responsáveis pela poluição do ar. E essa poluição do ar que estamos respirando está matando mais de 7 milhões de pessoas a cada ano. Isso é inaceitável”.



MUDANÇAS CLIMÁTICAS E A ALIMENTAÇÃO


Mudanças climáticas e a alimentação - Portal É conosco
Foto: Geone Bernardo|CEMTEC|INMET













Um relatório do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC) mostra a conexão entre o uso da terra e seus efeitos sobre a mudança climática. O documento destaca como, em uma espécie de círculo vicioso, solos e florestas doentes agravam as mudanças climáticas, que, por sua vez, causam impactos negativos na saúde das florestas e do solo.


O relatório aponta que, se o aquecimento global ultrapassar o limite de 2º Celsius estabelecido pelo Acordo de Paris, provavelmente as terras férteis se transformarão em desertos, as infraestruturas vão se desmoronar com o degelo do permafrost e a seca e os fenômenos meteorológicos extremos colocarão em risco o sistema alimentar.


Mostra ainda a forma como o nosso sistema alimentar contribui para as alterações climáticas, e também como é afetado pelas suas consequências. Prevê que os rendimentos das colheitas diminuam devido às mudanças climáticas, e os preços dos alimentos aumentem proporcionalmente.



MUDANÇAS CLIMÁTICAS E EVENTOS EXTREMOS


Mudanças climáticas e eventos extremos - Portal É conosco











Os eventos extremos sempre existiram, mas o que a comunidade científica vem evidenciando é que a maior regularidade tem próxima relação com a ação humana. Nos últimos meses, as recentes inundações nos estados de Minas Gerais, Espírito Santo, Rio de Janeiro e São Paulo vitimaram pelo menos 70 pessoas e deixaram dezenas de milhares de desalojados ou desabrigados. Moçambique, Reino Unido, Estados Unidos, Indonésia e Índia enfrentaram eventos similares, demonstrando também que há uma amplitude global dos fenômenos. Já na Austrália, uma temporada de incêndios devastadora foi seguida também de graves enchentes. As temperaturas, em nível mundial, bateram recordes em 2019, inclusive na Antártica.


A professora Ana Maria Heuminski de Ávila, do Centro de Pesquisas Meteorológicas e Climáticas Aplicadas à Agricultura (Cepagri) da Unicamp diz: - “Tudo está relacionado”: enchentes, incêndios, ondas de calor, recordes de temperatura e o aumento de eventos extremos.


“As mudanças climáticas são nada mais do que esses eventos que temos acompanhado se tornando mais frequentes e dentro de uma condição de normalidade. Temos percebido que nos últimos anos, sobretudo depois dos anos 2000, há uma frequência maior destes eventos intensos, que são aqueles que se distanciam da média daquilo que é a nossa referência”, observa Ana. Há um aquecimento da atmosfera e, com isso, um maior potencial para retenção de umidade, o que faz com que as nuvens se tornem mais intensas e a precipitação seja mais forte. “É como uma esponja com o potencial de reter água e quando essa água cai, cai de uma vez. Aí temos as chuvas mais intensas e estiagens mais prolongadas”.



MUDANÇAS CLIMÁTICAS SÃO URGÊNCIAS CLIMÁTICAS


Ao lidar com a crise climática, o novo presidente americano Joe Biden está determinado a aproveitar o futuro agora e deixar um planeta de cura para as gerações futuras. A equipe de segurança nacional de Joe Biden deve elevar a questão do aquecimento global aos níveis mais altos e já estuda invocar uma lei de emergência climática que pode dar a Biden autoridade para contornar o Congresso e financiar projetos de energia limpa, encerrar as exportações de petróleo bruto, suspender a perfuração offshore e reduzir o movimento de combustíveis fósseis em oleodutos, trens e navios.



SE NÃO PUDER FAZER TUDO

FAÇA TUDO O QUE PUDER

Banksy - Artista de rua - Portal É conosco
Banksy - Artista de rua

CALCULE AS EMISSÕES: Calcular suas emissões de carbono é um dos primeiros passos para uma vida mais sustentável. O projeto INICIATIVA VERDE uma organização do terceiro setor que busca contribuir para a melhoria dos serviços ambientais como biodiversidade, água e qualidade do ar, desenvolveu um aplicativo que possibilita o cálculo do quanto uma pessoa emite de gases de efeito estufa em decorrência de suas atividades diárias, em casa, no transporte individual, no transporte público, em viagens aéreas e na sua dieta alimentar.


COMPENSE AS EMISSÕES: A Tree-Nation, uma a plataforma de reflorestamento (mais de 5 milhões de árvores plantadas em 4 continentes), foi fundada com o objetivo de combater as mudanças climáticas compensando o CO2 emitido na atmosfera e facilitando a participação de cidadãos, empresas e plantadores.


PLANTE ÁRVORES: A FRUTO URBANO é grupo ativista de arborização urbana voluntária e estimula os interessados a montarem um grupo em suas cidades. O apoio vem na forma de conhecimentos, algumas mudas, recursos materiais, e Cartilha com algumas informações preliminares. Confira aqui:https://goo.gl/8qq9q5


As empresas precisam levar essas questões a sério. De acordo com um relatório da ONU, milhões de carros usados altamente poluentes de países ricos estão sendo "despejados" em países em desenvolvimento. Eles deixam de poluir seus países de origem mas continuam poluindo o planeta. Veja matéria em inglês, aqui: https://www.bbc.com/news/science-environment-54665545?utm_source=akna&utm_medium=email&utm_campaign=27102020-ClimaInfo-Newsletter


O CEBDS lançou o Compromisso Empresarial Brasileiro para a Segurança Hídrica, voltado ao empresariado brasileiro.


COMPROMETA-SE: O Objetivo do Desenvolvimento Sustentável nº 13 da Agenda 2030 – ONU, é de ação contra a mudança global do clima e demanda que tomemos medidas urgentes para combater a mudança do clima e seus impactos, através da mobilização de todos os atores capazes de promover as mudanças necessárias para impedir que as projeções se tornem realidade.






Saiba mais sobre o Objetivo do Desenvolvimento Sustentável 13 – ODS 13 – Ação Contra A Mudança Global do Clima.


FONTES:

WIKIPÉDIA: https://pt.wikipedia.org/wiki/Gases_do_efeito_estufa

IMAGEM EFEITO ESTUFA: https://laboratoriododoutornin.wordpress.com/2019/09/05/reator-transforma-gases-do-efeito-estufa-em-combustivel-liquido-puro/

ONO NEWS: https://news.un.org/pt/story/2019/12/1696531

AGÊNCIA BRASIL: https://agenciabrasil.ebc.com.br/internacional/noticia/2019-08/mudanca-climatica-ameaca-producao-de-alimentos-alerta-onu

CEDBS ORG: https://cebds.org/mudancas-climaticas-ameacam-producao-alimentos/?gclid=Cj0KCQiAzZL-BRDnARIsAPCJs71AdmAXmULz6FabVKOW7RboCLu1NaqXk5ETkCy0ho8WZWyQJQXgZ0AaAqelEALw_wcB#.X8UEYM1Ki00

JORNAL DA UNICAMP: https://www.unicamp.br/unicamp/ju/noticias/2020/02/27/estreita-relacao-entre-mudancas-climaticas-e-o-aumento-de-eventos-extremos